Total Shares 11

Outline: Será que os novos licenciados vão, efectivamente, ganhar menos do que os seus pais? #uduni

De acordo com um artigo intitulado “Young Single People Bear the Brunt of Generation Y’s Economic Woes” que significa, traduzido à letra, “Jovens Solteiros Suportam o Peso dos Problemas Económicos da Geração Y”, apresentado no The Guardian, os millennials de 25 a 29 anos de idade “tornaram-se mais pobres ao longo dos últimos 20 anos em comparação com a média da população”.

 

Relacionado: 11 negócios de milhões criados por estudantes!

Novos Millenials

Estes adultos, interessados sobretudo em construir e consolidar as suas carreiras, debatem-se com os elevados  custos de vida e com a estagnação do rendimento disponível. O que é interessante é o fato de que os millennials que optam por viver sozinhos – e, portanto, têm que arcar com as despesas totais do aluguer da casa, da conta da eletricidade e da água, e uma assinatura no Netflix – também fazem menos dinheiro em comparação com pessoas da sua idade de há 20 a 30 anos atrás. Isto é verdade nos EUA, Canadá, França, Alemanha, Espanha, tal como é referido no artigo, mas também se verifica em Portugal.

Na verdade, podes descobrir como o rendimento se compara a outras gerações e de outros países no artigo (alerta de spoiler: não vais ficar feliz com os resultados).

Ao ver esses números só podes fazer duas coisas. Primeiro, lamentares-te sobre o quão injusto isso é. Ou segundo: continuares a construir e consolidar uma carreira com que te preocupes. É necessário perceber que não podes controlar a economia, mas podes, pelo menos até certo ponto, controlar a tua felicidade no trabalho. Se gostas do teu trabalho e da direção que estás a tomar, talvez o facto de viveres sozinho e, ocasionalmente, comer cereais para o jantar não é assim tão importante. Claro, as gerações anteriores tiveram mais rendimento que as gerações atuais, mas no geral, essas eram mais propensas a trabalhar exclusivamente para os fins-de-semana e não para algo mais que os millennials tanto procuram.

 

Relacionadocomo é trabalhar na Unilever?

 

maneiras de ganhar dinheiro

 

Então… E Agora?

E se não gostares do percurso atual da tua carreira? Bem, olhar para os números continuamente não vai mudar as circunstâncias ou a economia global. Então, a tua melhor aposta é continuares a procurar o caminho certo para a tua carreira e tentar descobrir novas maneiras de ganhar dinheiro. Isso significa que poderás descobrir como fazer dinheiro extra todos os meses ou como guardar algum orçamento que te permitirá pagar aulas online de que precisas para fazer uma mudança na tua carreira. Acima de tudo, sentires-te realizado no trabalho é mais importante do que nunca.

Além disso, como todas as indústrias são diferentes e certos cargos e posições terão sempre maiores salários do que outros, não há nenhuma razão para não acreditares que se estabeleceres metas e definires perspetivas quanto ao teu sucesso, não estarás um dia numa melhor posição financeira do que estás neste momento. Como já referido, muitas vezes a “construção de carreira” pode significar grandes coisas quando se trata do teu objetivo de vida.

Author: Isa Rafael

BSc in Political Sciences (Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, ISCSP, Lisbon University) and currently attending postgraduate studies in Digital Strategic Communication at the same university.

DISCLAIMER: The articles featured on our platform were prepared or accomplished by students in their personal capacity. The opinions expressed in this article are the author’s own and do not reflect the view of UDUNI. UDUNI does not accept any responsibility or liability for the accuracy, content, completeness, legality, or reliability of the information contained in these articles. It is part of our mission to empower students, by providing them access to real testimonials and opinions, and we believe that is the reason why some of our articles may not please everyone.
Total Shares 11

Leave a Reply